Contra a instituição das escolas cívico-militares na Rede FAETEC

março 26, 2022 - Notícias

A direção do SINDPEFAETEC se manifesta publicamente contra o decreto 48.003/2022, do Governo do Estado do Rio de Janeiro, que institui o Programa de Escolas Técnicas Cívico-Militares do Estado do Rio de Janeiro em instituições de ensino da Rede FAETEC. A FAETEC se destina à formação profissional da população fluminense, de maneira laica e de qualidade, para o mercado de trabalho. Isso demonstra sua essência voltada para a vida civil. Além disso, a nossa rede está se recuperando de um período de acentuada precarização, o qual já deixou os servidores dessa Fundação com até quatro folhas salariais atrasadas, e com sérios problemas de infraestrutura e manutenção. Temos que continuar utilizando os nossos recursos orçamentários, inclusive os do FUNDEB, para manter e atualizar a estrutura de nossas escolas, maquinários e laboratórios, assim como a vida funcional de nossos servidores, e não criar um modelo conflitante, que não existe no resto do mundo, sem qualquer debate com a nossa comunidade escolar – um modelo que é totalmente distinto dos objetivos que norteiam nosso trabalho e nosso projeto pedagógico.

A Polícia Militar do Rio de Janeiro, em conjunto com o Corpo de Bombeiros do Estado, possuem escolas próprias, destinadas aos filhos de militares e de uma parte da população civil, mantidas com o orçamento dessas instituições. Portanto, se o governo do Estado deseja desenvolver projetos de formação geral com caráter militar, que utilize as estruturas dessas escolas, como acontece no âmbito do governo federal.

Continuaremos trabalhando para que a FAETEC não se desvie de seus propósitos, e continue qualificando com excelência nossa população para o mundo do trabalho e a cidadania plena.

Outras Notícias

SINDPEFAETEC
Rua Lucinda Barbosa, 32 / 101 - Quintino - Rio de Janeiro / RJ - CEP 21311-340 - (21) 2146-6522
Instagran: sindpefaetec_oficial

Desenvolvido pela Equilibrio Digital